26 setembro 2017

Resumão

Oie amores da Ninna!

Como vocês estão?
Nós estamos bem, graças a Deus! Mamãe cada dia mais cansada e com mais dores! #NORMAL.NÉ? kkk
Por isso o sumiço, estou trabalhando e pretendo continuar até o dia do parto (se for possível, claro).

Hoje venho fazer um resumão dos últimos dias:

♥ Parto:
Contei no último post que Mariana estava sentada, o que indicaria á principio um parto cesárea. No entanto, com 34 semanas realizei um novo ultrassom e para nossa surpresa, ela já estava em posição cefálica, ou seja, com a cabecinha pra baixo! #UHUUUUU #PARTO.NORMAL

Hoje (dia 26), com 36 semanas, realizei um novo ultrassom e confirmei que ela estava mantida na mesma posição (cabeça pra baixo). No entanto, havia crescido MUITO (em duas semanas cresceu quase 5 cm e engordou pouco mais de 800 gramas).
Mariana está com aproximadamente 50 cm e 3100 gramas e ainda faltam 4 semanas para ela "chegar" (para completar as 40 semanas).

Fiquei bem assustada com esse avanço dela e na próxima consulta (dia 29) veremos o que o médico indicará. Estamos e permanecemos nas mãos de Deus!
 
♥ Peso:
Até o 7º mês estava indo super bem, havia engordado "apenas" 9 kgs. Minha meta pessoal era chegar aos 12. No entanto, na última consulta, em 3 semanas engordei 3 kgs. #COMO.ASSIM?
Olha esses pezinhos de batata, talvez justifiquem um pouco desse aumento (o resto foram as gordices mesmo kkk):
 
 
♥ Câmera Semi profissional:
Realizei um grande sonho:


Nós mesmos (Rog e eu) faremos nosso ensaio gestante e fotos Newborn da Mariana. Alguém tem dúvidas que ela será minha modelinho? #SIM.OU.COM.CERTEZA kkkk 

Algumas das fotos que tirei com ela, ainda estou aprendendo.






 
♥ Ensaio gestante:
Sinceramente, estou bem atrasada. Afinal, Mariana já pode chegar a qualquer momento.
O vestido para o ensaio está em reta final de confecção (mamis e vovó estão fazendo) e as tiaras que eu comprei já chegaram:
Semana que vem faremos e terá um post só com as fotos!
 
Encho meu coração de gratidão e amor por compartilhar esses momentos com vocês, quantas e quantas vezes vim aqui com o coração em pedaços, tentando escrever e entender o porquê da nossa dificuldade...
E hoje, sentir meu milagre mexendo e pulando (nesse exato momento), só me faz chorar e agradecer!
#OBRIGADA.DEUS #NADA.É.IMPOSSÍVEL.AO.QUE.CRÊ
 
Farei mais 2 posts: Contando sobre a decisão médica e do ensaio gestante. O terceiro, talvez, já tenha foto de uma bebê LINDA pra vocês!
 
Grande beijo,
Ninna e Mari♥♥



29 agosto 2017

Apresento: Mariana♥

Oie meus amores!

Hoje o post é especial, primeiras fotos da nossa Mari! (em ultrassom 4 D, porque ela continua dentro da barriga da mamãe! #GRAÇAS.A.DEUS #PELO.MENOS.ATÉ.OUTUBRO #FALTA.POUCO kkk).

É tão engraçado ou estranho (não sei explicar) você enxergar os detalhes físicos de um serzinho que você já ama. Ou melhor, que você sempre amou, mesmo sem idealizar! #NOSSO.MILAGRE
 
Depois de vê-la (tímida por sinal, com as mãozinhas no rosto), começam as especulações e ansiedade: "Ela vai se parecer mais com quem?", "Isso ela puxou o pai!", "Aquilo é da mãe"... Mas, uma pergunta não quer calar:
Não é meu! kkkk
O que acham?

Deixando as brincadeiras e curiosidades de lado, ela está super bem. Com 40 cm (a médica disse que ela será alta) e pesando 1,379 kg (peso normal). Ela está na posição pélvica (sentada) e assim, hoje, impossibilitaria o parto normal, mas não vamos sofrer por antecipação #TENTAR... Nas próximas semanas vamos repetir o exame e ver se essa danadinha já virou! #CAMPANHA.VIRA.MARIANA kkk
Foi realizado também o ultrassom do coraçãozinho dela (Ecocardiograma Fetal) e não apresentou nenhum problema, graças a Deus.
Eu estou conseguindo manter a dieta (até emagreci 200 gramas no último mês) e a glicemia super controlada.

Queria compartilhar com vocês também, as primeiras fotinhas do quartinho dela (que vai ser junto com o nosso kkk):
 Guarda roupa + Bercinho

Além do carrinho + Caldeirinha que chegaram essa semana:
Tudo quase pronto para a chegada dela!
E pra finalizar... Nossos 7 meses de amor!

Grandes beijos,
Ninna e Mari

13 agosto 2017

O amor de Pai ♥

Da mamãe para o papai!


Eu poderia aqui compartilhar diversos momentos que você me emocionou como pai (antes mesmo da nossa Mari), mas quero contar apenas um, um que me faz te amar ainda mais (se é possível)...

Com um dia de atraso, descobrimos nossa sonhada gravidez (e que realização e sonho), acreditávamos ser o dia mais feliz de nossas vidas (hoje percebo que foi o segundo dia mais feliz).
Após uma semana, nosso sonho se tornou em um temido pesadelo, entraram os sangramentos na nossa história. Já na emergência, fui examinada e orientada a voltar pra casa, afinal, com esse tempo de gestação (5 semanas) não poderia ser visto no ultrassom.
Confesso, que voltei extremamente fragilizada e me sentindo impotente á toda essa situação. Permaneci assim por mais 7 dias, sangrando e "morrendo" por dentro, sem forças para acreditar que meu bebê ainda estivesse comigo. Até que, no 8º dia o sangramento aumentou e fomos novamente à emergência. Chegando lá fui examinada e constatado sangue no canal, a médica disse que era principio de aborto e pediu para que eu voltasse no dia seguinte para fazer ultrassom.
Ali, eu não tinha mais meu coração e comecei a falar do nosso bebê no passado, pois racionalmente falando, como seria possível um serzinho do tamanho de um grão de arroz sobreviver á 8 dias de sangramentos? E então, você #ROG, me abraçou e chorou, pediu para eu não falar mais assim, no passado.
Naquele momento, mesmo sem entender, eu me senti carregada pela tua fé. Quando eu não tinha mais meu coração (e esperanças), você se fez forte por nós e acreditou!
No dia seguinte acordamos cedo e fomos fazer aquele exame que já foi tão sonhado e idealizado de outra forma. Esperamos algumas horas, quando me chamaram e você não entrou comigo. Levantei-me e acreditei estar indo sozinha.
Entrando naquela sala com iluminação baixa, o medico questionou o motivo de estar realizando o exame de emergência e eu expliquei. Ele pediu para eu ir ao banheiro e me trocar.
Deitei-me naquela maca gelada e então, percebi que não havia um monitor para ver o exame (como tem nas clinicas que realizam esses exames de rotina). Então, restou-me olhar para o médico e tentar perceber suas reações ou ver algo refletido no seu olhar. Até que, sem coragem, olhei para o teto branco e perguntei á ele: "Achou o meu bebê?". E ele: "Estou procurando".
Depois dessa resposta, eu não conseguia mais pensar, nem tão pouco acreditar. Até que, alguns segundos depois, ouço um "tum, tum, tum, tum" e pergunto: "De quem é esse coração?", ele respondeu: "Do seu bebê!" e então, sob mim já não havia mais aquele teto branco, era o céu, era Deus me dizendo que eu NUNCA estive sozinha, mesmo se tudo me mostrasse assim estar! Chorei (e choro até hoje).
O médico virou o monitor e me mostrou ela (que eu acreditava ser ele ainda kkk), tão forte, tão valente, mas tão pequena e tão frágil! Me explicou do sangramento e disse que precisaríamos cuidar de um descolamento (por isso do sangramento continuo).
Me levantei, troquei de roupa e o agradeci.
Saí da sala já te ligando e você disse que estava indo em direção a sala de espera. Saí correndo e nos encontramos no corredor e eu disse: "Eu ouvi o coração dele", te abracei e chorei!
Bom, contei tudo isso para te agradecer, pois a sua fé fez milagres, basta olhar a minha barriga crescendo! Obrigada por acreditar por nós três, quando eu não conseguia!
Você é nosso maior exemplo, nosso maior amor e ela será seu chaveirinho, sua princesa!
Como eu sempre digo, agora eu tenho dois corações dentro de mim que batem por você!
Te amamos!

Feliz dia dos pais!

Grande beijo, Ninna e Mari!